Equipamento seleciona semente por coloração e ajuda a garantir a qualidade



A semente é o principal insumo de uma lavoura, ela alavanca o sucesso ou fracasso da produção, visto que carrega consigo um pacote tecnológico de valor intrínseco e incalculável, resultado de muita pesquisa e trabalho. Mas fatores como o clima sempre trazem desafios para a produção de sementes de qualidade, principalmente em anos de estresse hídrico e temperaturas elevadas, como foi o caso da última safra de soja. A ocorrência de seca associada a altas temperaturas nas fases de enchimento de grãos e em pré-colheita, resultaram em morte prematura das plantas e na maturação forçada das sementes, ocasionando na produção altos níveis das chamadas sementes esverdeadas ou verdes.



As sementes verdes geralmente apresentam elevados índices de deterioração, que contribuem na redução da germinação e do vigor, influenciando diretamente na produtividade da lavoura. Mas o suporte de tecnologias, tem ajudado a melhorar os processos de beneficiamento, reduzindo o número de sementes verdes.

A Sementes Costa Beber utiliza um equipamento moderno, que possui câmeras com alta capacidade de resolução e que ajudam a identificar as sementes de cores diferentes, fazendo a seleção e as descartando. Um aliado importante para a eficiente remoção das sementes esverdeadas, ajudando a melhor a qualidade dos lotes de soja produzidos, proporcionando ao produtor rural uma semente com características físicas e fisiológicas que permitam estabelecer uma população adequada de plantas na lavoura.

Por: Agência Certa - Via Sementes Costa Beber
Nenhum registro encontrado.